Pub

terça-feira, 15 de janeiro de 2013

História dos Óscares: Melhor Ator

Foram oito os intérpretes a ganhar dois Óscares de Melhor Ator, desde Spencer Tracy a Sean Penn. Conheça aqui todos os 76 grandes nomes do cinema a ganharem a estatueta nesta categoria.


Pelas contas da Academia, já são 76 os intérpretes galardoados com o Óscar de Melhor Ator ao longo dos últimos 80 anos. Houve, portanto, oito a merecer a distinção mais que uma vez: Spencer Tracy em 1937 e 1938, por «Lobos do Mar» e «Homens de Amanhã»; Fredric March em 1932 e 1946, por «O Médico e o Monstro» e «Os Melhores Anos das Nossas Vidas»; Gary Cooper em 1941 e 1952, por«Sargento York» e «O Comboio Apitou Três Vezes»; Marlon Brando em 1954 e 1972, por «Há Lodo no Cais» e «O Padrinho»; Dustin Hoffman em 1979 e 1989, por «Kramer contra Kramer» e «Rain Man – Encontro de Irmãos»;Tom Hanks em 1993 e 1994, por «Filadélfia» e «Forrest Gump»; Jack Nicholson em 1975 e 1997, por «Voando Sobre um Ninho de Cucos» e «Melhor é Impossível»; Daniel Day-Lewisem 1989 e 2007 por «O Meu Pé Esquerdo» e «Haverá Sangue»; e Sean Penn em 2003 por«Mystic River» e 2008 por «Milk».

A categoria existe desde a primeira cerimónia, em 1929, mas nos primeiros dois anos consagrava o trabalho do ator por todos os filmes que fizera no respetivo ano.

Logo na terceira cerimónia, a regra mudou, com apenas um dos filmes a ser citado no prémio final embora com mais que uma película a surgir nos boletins de voto.

Finalmente, a partir da quarta cerimónia, em 1931, instaurou-se o atual sistema de que é a interpretação num determinado filme de cada ator que é alvo de nomeação.

Até à oitava cerimónia, em 1936, o galardão destinava-se a todos os atores mas a partir da nona cerimónia, em 1937, a categoria dividiu-se em Ator Principal e Ator Secundário, o que se mantém até hoje.

Os atores com mais nomeações ao Óscar de Melhor Ator são Laurence Olivier e Spencer Tracy, com nove cada, seguidos de perto por Jack Nicholson, Paul Newman e Peter O’Toolecom oito, sendo este último o intérprete mais vezes nomeado sem qualquer vitória.

Só uma vez o galardão foi atribuído postumamente, a Peter Finch, por «Escândalo na TV», mas James Dean, Spencer Tracy e Massimo Troisi foram também nomeados após o respetivo falecimento.

Apesar de, na cerimónia referente a 1931-1932, Frederic March e Wallace Beery terem empatado como vencedores do troféu de Melhor Actor, o primeiro teve mais um voto que o segundo. Contudo, de acordo com as regras da Academia na época, a margem era tangencial o suficiente para ser considerado um empate, algo que pouco anos depois deixaria de ser possível. Na verdade, nas categorias de interpretação, só uma vez houve um empate com número idêntico de votos: em 1969, com Katharine Hepburn e Barbra Straisand a ganhar, respetivamente, por«Adivinha quem Vem Jantar» e «Funny Girl - Uma Rapariga Endiabrada».

Três atores foram nomeados duas vezes pela mesma personagem Bing Crosby como Padre O’Malley por «O Bom Pastor» e «Os Sinos de Santa Maria» (ganhou à primeira), Peter O’Toole como Rei Henrique II por «Beckett» e «Um Leão no Inverno» e Paul Newman como «Fast» Eddie Felson em «A Vida é um Jogo» e «A Cor do Dinheiro» (ganhou à segunda).

Só dois tores recusaram até hoje o galardão: George C. Scott pelo filme «Patton» em 1971 e Marlon Brando por o «O Padrinho» em 1973. O primeiro recusou ir à cerimónia por considerar que a ideia dos prémios promovia a rivalidade entre os colegas e o segundo enviou em seu lugar a índia Sacheen Littlefeather em protesto com a forma com os nativos americanos eram tratados pelos filmes de Hollywood.

Até à data, Henry Fonda foi o mais idoso vencedor do Óscar de Melhor Ator, ganhando aos 76 anos por «A Casa do Lago», e Adrien Brody foi o mais jovem de todos, conquistando aos 29 anos a estatueta dourada por «O Pianista».


Lista completa de vencedores do Óscar de Melhor Ator:

2011
Jean Dujardin – O Artista (The Artist)
2010
Colin Firth – O Discurso do Rei (The King's Speech)
2009
Jeff Bridges – Crazy Heart (Crazy Heart)
2008
Sean Penn – Milk (Milk)
2007
Daniel Day-Lewis – Haverá Sangue (There Will be Blood)
2006
Forest Whitaker – O Último Rei da Escócia (The Last King Of Scotland)
2005
Philip Seymour Hoffman - Capote
2004
Jamie Foxx - Ray
2003
Sean Penn - Mystic River
2002
Adrien Brody – O Pianista (The Pianist)
2001
Denzel Washington – Dia De Treino (Training Day)
2000
Russell Crowe – Gladiador (Gladiator)
1999
Kevin Spacey – Beleza Americana (American Beauty)
1998
Roberto Benigni – A Vida É Bela (La Vita è Bella)
1997
Jack Nicholson – Melhor é Impossível (As Good As It Gets)
1996
Geoffrey Rush – Shine – Simplesmente Genial (Shine)
1995
Nicolas Cage – Morrer em Las Vegas (Leaving Las Vegas)
1994
Tom Hanks - Forrest Gump
1993
Tom Hanks – Filadélfia (Philadelphia)
1992
Al Pacino – Perfume de Mulher (Scent Of A Woman)
1991
Anthony Hopkins – O Silêncio dos Inocentes (The Silence of the Lambs)
1990
Jeremy Irons – Os Reveses da Fortuna (Reversal of Fortune)
1989
Daniel Day Lewis – O Meu Pé Esquerdo (My Left Foot)
1988
Dustin Hoffman – Rain Man – Encontro de Irmãos (Rain Man)
1987
Michael Douglas - Wall Street
1986
Paul Newman – A Cor do Dinheiro (The Color of Money)
1985
William Hurt – O Beijo da Mulher Aranha (Kiss of the Spider Woman)
1984
F. Murray Abraham - Amadeus
1983
Robert Duvall – Amor e Compaixão (Tender Mercies)
1982
Ben Kingsley - Gandhi
1981
Henry Fonda – A Casa do Lago (On Golden Pond)
1980
Robert De Niro – O Touro Enraivecido (Raging Bull)
1979
Dustin Hoffman – Kramer Contra Kramer (Kramer Vs. Kramer)
1978
Jon Voight – O Regresso dos Heróis (Coming Home)
1977
Richard Dreyfuss – Não Há Dois Sem Três (The Goodbye Girl)
1976
Peter Finch – Escândalo na TV (Network)
1975
Jack Nicholson – Voando Sobre Um Ninho De Cucos (One Flew Over The Cuckoo's Nest)
1974
Art Carney – Harry e Tonto (Harry and Tonto)
1973
Jack Lemmon – Sonhos do Passado (Save the Tiger)
1972
Marlon Brando – O Padrinho (The Godfather)
1971
Gene Hackman – Os Incorruptíveis Contra a Droga (The French Connection)
1970
George C. Scott - Patton
1969
John Wayne – A Velha Raposa (True Grit)
1968
Cliff Robertson - Charly
1967
Rod Steiger – No Calor da Noite (In the Heat of The Night)
1966
Paul Scofield – Um Homem para a Eternidade (A Man For All Seasons)
1965
Lee Marvin – Cat Ballou - Mulher Felina (Cat Ballou)
1964
Rex Harrison – Minha Linda Lady (My Fair Lady)
1963
Sidney Poitier – Os Lírios do Campo (Lilies of the Field)
1962
Gregory Peck – Na Sombra E No Silêncio (To Kill A Mockingbird)
1961
Maximilian Schell – Julgamento em Nuremberga (Judgment At Nuremberg)
1960
Burt Lancaster – Elmer Gantry – O Falso Profeta (Elmer Gantry)
1959
Charlton Heston - Ben-Hur
1958
David Niven – Vidas Separadas (Separate Tables)
1957
Alec Guinness – A Ponte do Rio Kway (The Bridge on The River Kwai)
1956
Yul Brynner – O Rei e Eu (The King and I)
1955
Ernest Borgnine - Marty
1954
Marlon Brando – Há Lodo No Cais (On the Waterfront)
1953
William Holden – Inferno na Terra (Stalag 17)
1952
Gary Cooper – O Comboio Apitou Três Vezes (High Noon)
1951
Humphrey Bogart – A Rainha Africana (The African Queen)
1950
Jose Ferrer - Cyrano De Bergerac (1950)
1949
Broderick Crawford – A Corrupção do Poder (All the King's Men)
1948
Laurence Olivier - Hamlet (1948)
1947
Ronald Colman – Abraço Mortal (A Double Life)
1946
Fredric March – Os Melhores Anos das Nossas Vidas (The Best Years of Our Lives)
1945
Ray Milland – Farrapo Humano (The Lost Weekend)
1944
Bing Crosby – O Bom Pastor (Going My Way)
1943
Paul Lukas – Horas De Tormenta (Watch on the Rhine)
1942
James Cagney – Canção Triunfal (Yankee Doodle Dandy)
1941
Gary Cooper – O Sargento York (Sergeant York)
1940
James Stewart – Casamento Escandaloso (The Philadelphia Story)
1939
Robert Donat – Adeus, Mr Chips (Goodbye, Mr. Chips)
1938
Spencer Tracy – Homens de Manhã (Boys Town)
1937
Spencer Tracy – Lobos do Mar (Captains Courageous)
1936
Paul Muni – A Vida de Pasteur (The Story Of Louis Pasteur)
1935
Victor Mclaglen – O Denunciante (The Informer)
1934
Clark Gable – Uma Noite Aconteceu (It Happened One Night)
1932/1933
Charles Laughton – A Vida Privada De Henrique Viii (The Private Life Of Henry VIII)
1931/1932
Wallace Beery – O Campeão (The Champ) e Fredric March – O Médico e o Monstro (Dr. Jekyll and Mr. Hyde)
1930/1931
Lionel Barrymore – Uma Alma Livre (A Free Soul)
1929/1930
George Arliss - Disraeli
1928/1929
Warner Baxter - In Old Arizona
1927/1928
Emil Jannings – A Última Ordem (The Last Command) e A Tentação da Carne (The Way of All Flesh)

Fonte: Sapo Cinema

Nenhum comentário:

Postar um comentário