Pub

sexta-feira, 10 de maio de 2013

Neste dia... na História!...

Rudolf Hess aterra na Escócia
10 de maio 1941


Rudolf Hess, número três do Partido Nacional-Socialista da Alemanha após Göering e Hitler, voa num pequeno avião sobre a Escócia e lança-se em pára-quedas, numa estranha tentativa de negociar um tratado de paz com a Inglaterra. Nascido na Alexandria, Egipto, filho de uma família abastada, Rudolf Hess (1894-1987) não viveu na Alemanha até aos 14 anos. Estudou Ciência Política na Universidade de Munique e já nessa altura participou em grupos anti-semitas. Depois de ouvir um discurso de Adolf Hitler juntou-se ao Partido Nazi a 1 de Julho de 1920. Após 20 anos de serviço ao Partido e especialmente a Hitler, Hess caiu em desgraça com o Führer e numa tentativa de redimir-se, voou para a Escócia sozinho e saltou de pára-quedas a perto de 30 quilómetros da residência do Duque de Hamilton, o qual tinha conhecido brevemente durante os Jogos Olímpicos de Berlim em 1936. O seu objectivo era ganhar a Inglaterra para a causa nazi e vencer juntos a União Soviética, país acabado de ser invadido pelos alemães. Se a Inglaterra permitisse que a Alemanha Nazi conquistasse a Europa, o império britânico não voltaria a ser incomodado. Quando Hitler soube da viagem declarou que Hess era um demente, e os britânicos concordaram. Hess foi julgado em Nuremberga por crimes de guerra e condenado a prisão perpétua. Com o tempo transformou-se no único recluso da prisão de Spandau, na Alemanha de Leste. Morreu em 1987, aos 93 anos, em circunstâncias que mostravam um tentativa de se enforcar com um fio eléctrico.

Circum-navegação submarina terrestre
10 de maio de 1960


No dia 10 de maio de 1960, o submarino atómico "Tritão" terminou a primeira circum-navegação da Terra debaixo de água. Foi uma das provas a que submeteram a nova embarcação e que foi concluída com sucesso.
Depois do ataque de Pearl Harbor, no Havai, durante a Segunda Guerra Mundial, os norte-americanos centraram os seus esforços no desenvolvimento de submarinos e embarcações mais eficientes e rápidos para realizar missões de vigilância e até ações de espionagem.
O submarino "Tritão" contava com um potente sistema de radar e uma tecnologia muito superior aos restantes submarinos da época. Era capaz de percorrer distâncias muito maiores do que as outras embarcações da frota norte-americana e a sua principal utilização foi durante a Guerra Fria, na década de 60 e 70.


Sobe ao trono Luís XVI, Rei de França
10 de maio de 1774


A 10 de maio de 1774 Luís XVI foi coroado Rei de França. Durante os anos de reinado, o monarca destacou-se na política externa, tendo desempenhado um papel importante na Guerra da Independência americana (1778-1783).
O seu antecessor, Luís XV, e o seu desinteresse pela política debilitaram o poder da França na Europa, o que contribuiu para assentar as bases para a Revolução Francesa. A resistência dos privilegiados à liberalização da Economia provocou uma crise política interna que, em 1789, Luís XVI não conseguiu travar.
A 14 de outubro de 1789 deu-se a tomada da Bastilha e, depois da rebelião de outubro, o Rei instalou-se em Paris e fingiu aceitar a Constituição de 1790, dando a entender que estava de acordo com a assembleia. Contudo, acabou por conspirar contra ela. Luís XVI voltou a reinar em 1791, mas depois do assalto ao Palácio das Tulherias, foi condenado à morte na guilhotina.

Nenhum comentário:

Postar um comentário