Pub

sábado, 9 de março de 2013

Neste dia... na História!...

O último imperador, marioneta do Japão
9 de Março 1932


Henry Pu Yi, o último Imperador da China de 1908 a 1912, transforma-se em Regente do estado japonês Manchukuo. Coroado como Imperador Hsüan-T'ung aos três anos, foi obrigado a abdicar quatro anos depois pela revolução republicana.
Adoptou o nome de Henry e continuou a viver na Cidade Proibida de Pequim até 1924, quando foi obrigado a viver no exílio. Instalou-se na zona ocupada pelo Japão Tianjin, onde viveu até que o governo japonês o instalou como Regente marioneta de Manchukuo em 1932. Em 1934, transformou-se em K'ang Te, Imperador de Manchukuo, exercendo como tal até à sua captura pelas tropas soviéticas nos finais da Segunda Guerra Mundial.
Em 1950, Pu Yi voltou à China e foi aprisionado até que o líder da revolução Mao Zedong lhe concedeu a amnistia em 1959. Após a sua libertação, trabalhou como mecânico numa oficina em Pequim.


A ONU condena o antissemitismo e a xenofobia
9 de março de 1994


No dia 9 de março de 1994, a Comissão de Direitos Humanos da ONU condena o antissemitismo e a xenofobia publicamente pela primeira vez.
Durante várias semanas de investigação analisaram-se as diversas formas contemporâneas de racismo, como a xenofobia, a intolerância e todas as formas de discriminação contra negros, árabes e muçulmanos.
O objetivo principal da reunião foi realizar um relatório pormenorizado das diversas formas de racismo e fazer referência às medidas que os Governos têm de adotar para lutar contra este problema a nível mundial.


Nasceu a boneca Barbie
9 de março de 1959


A 9 de março de 1959, a empresa norte-americana Mattel lançou no mercado a nova boneca Barbie. A sua criadora foi Ruth Handler, que escolheu um nome para a boneca em honra da sua filha Bárbara e se inspirou na boneca alemã Bild Lilli.
Ruth Handler percebeu que a filha preferia brincar com bonecas com características adultas em vez de bonecas infantis. E assim decidiram criar o brinquedo que revolucionaria o mundo infantil. No início, a Barbie exibia um penteado muito louro, à anos 60, com um biquíni às riscas, tipo zebra, e começou a ser comercializada como uma modelo adolescente preocupada com a moda. Hoje em dia, há inúmeras versões da Barbie (médica, hospedeira, sereia...) e foram criadas novas personagens relacionadas com ela, como por exemplo, o "namorado" Ken.
A Barbie foi um dos primeiros brinquedos a ter uma estratégia de Marketing baseada na publicidade televisiva, que acabou por ser copiada por outros brinquedos. Calcula-se que já tenham sido vendidas mais de mil milhões de bonecas Barbie no mundo, em mais de 150 países.
Podemos encontrar uma ampla gama de produtos da marca Barbie, tais como livros, roupa, cosméticos e jogos de vídeo, e a Barbie já apareceu numa série de filmes de animação, como por exemplo, nos três filmes da saga "Toy Story".
A Barbie festejou o seu 50º aniversário em 2009 com um desfile de moda em Nova Iorque para a semana da Moda Mercedes-Benz. Nesse evento estiveram estilistas de alta-costura, como Diane von Fürstenberg, Vera Wang, Calvin Klein, Bob Mackie e Christian Louboutin.

Nenhum comentário:

Postar um comentário