Pub

quinta-feira, 16 de maio de 2013

Cavaco: qual senilidade, qual carapuça!


Foram às dezenas aqueles que, na blogosfera e sobretudo no Facebook, falaram de senilidade a propósito das declarações que Cavaco fez ontem sobre uma eventual intervenção de Nossa Senhora de Fátima na aprovação da troika.
Puro erro: já lá vão 24 anos, era então o actual presidente da República um garboso primeiro ministro à beira de chegar aos 50 e já não escondia a sua devoção político-religiosa pela Cova da Iria. Ou não se teria deslocado às cerimónias do 13 de Maio de 1989, «a título pessoal» mas devidamente acompanhado por três dos seus dilectos ministros: Leonor Beleza, Silva Peneda e Silveira Godinho.
Mas não é o único responsável desta República laica a nos declarar publicamente sob a asa protectora da Virgem. Um outro, que também ainda anda por aí, disse, já lá vão os nove anitos: «Eu acho que Portugal, na crise do 'Prestige', (...) foi muito ajudado por aquilo que eu, que sou crente, acho que foi uma intervenção de Nossa Senhora». Quem foi, quem foi?
Bem podiam ir agora ambos de rojo à Cova da Iria, para ver se a dita Virgem os mandava dar uma enorme volta ao bilhar grande...

Nenhum comentário:

Postar um comentário