Pub

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

História dos Óscares: Melhor Filme

É o troféu mais desejado da história da Sétima Arte, aquele que só por si garante um lugar na memória coletiva do cinema. Com todas as atenções viradas para Hollywood, recordamos os 84 vencedores do Óscar de Melhor Filme.


Os vencedores do Óscar para Melhor Filme reúnem algumas das películas que se tornaram emblemáticas na história da Sétima Arte, como E Tudo o Vento Levou, Casablanca ou Música no Coração , mas também obras inesperadas que o galardão ajudou a colocar na imaginário coletivo, como O Cowboy da Meia-Noite e O Silêncio dos Inocentes .

Em termos mais práticos e imediatos, estima-se que um vencedor nesta categoria, se não tiver já uma carreira de grande sucesso atrás de si (como no caso dos super-êxitos Gladiador ou Titanic, por exemplo), consiga triplicar as receitas de bilheteira.

A categoria de Melhor Filme é a única em que todos os membros da Academia votam não só na atribuição do prémio final (como sucede em todas as categorias, exceto nos documentários, curtas-metragens e filme estrangeiro) mas também nas próprias nomeações, que nos outros casos são da exclusividade dos membros do respetivo ramo profissional na Academia (os argumentistas votam nos nomeados para Melhor Argumento Adaptado e Original, os realizadores votam nos nomeados para Melhor Realizador e por aí fora).

O prémio é atribuído aos produtores e todos os filmes estreados em Los Angeles no respetivo ano podem concorrer, mesmo se não forem falados em inglês, caso que já aconteceu oito vezes: «A Grande Ilusão» (1938),«Z – A Orgia do Poder» (1969), «Os Emigrantes» (1972), «Lágrimas e Suspiros» (1973), «O Carteiro de Pablo Neruda»(1995), «A Vida é Bela» (1998), «O Tigre e o Dragão» (2000) e «Cartas de Iwo Jima»(2007), isto para além de «O Artista», que venceu em 2012, e era um filme francês embora os diálogos - em intertítulos - fossem todos em inglês.

Também é possível a animação chegar ao top da Academia, embora isso só tenha sucedido três vezes, em 1992, com «A Bela e o Monstro», em 2010, com «Up - Altamente!» e em 2011 com«Toy Story 3».

Foi só em 1944 que as nomeações estabilizaram nas cinco por ano, com os anos anteriores a contabilizarem mais do dobro das designações, com o recorde de 12 películas nomeadas para Melhor Filme em 1934 e 1935. Só em 2010 é que as nomeações subiram de cinco para até 10 na categoria de Melhor Filme.

Os Óscares começaram a ser atribuídos na transição do cinema mudo para o sonoro, e por isso, oficialmente, só houve um filme mudo a vencer na categoria principal: Asas, de William Wellman, no primeiro ano em que foram atribuídos prémios, em 1928. Oficialmente, porque, na verdade, nessa primeira edição, o prémio estava dividido em Melhor Produção (cujo vencedor foi Asas) e Produção de Maior Qualidade Artística (cujo vencedor foi «Aurora», de F.W.Murnau). Além disso, em 2012, O Artista, um filme sem diálogos mas com banda sonora síncrona e alguns efeitos sonoros, que homenageava precisamente o cinema mudo, também conseguiu conquistar o troféu principal.

No ano seguinte, o galardão unificou-se, passando a centrar-se genericamente na Melhor Produção e considerando a Academia que, nessa cerimónia inicial, Asas ganhou o equivalente a esse troféu.

A alteração propriamente dita para Melhor Filme deu-se logo em 1931.

Eis a lista completa de obras premiadas com o Óscar de Melhor Filme do Ano:

2011 - O Artista
2010 - O Discurso do Rei
2009 - Estado de Guerra
2008 - Quem Quer Ser Bilionário
2007 - Este País Não é Para Velhos
2006 - The Departed: Entre Inimigos
2005 - Colisão
2004 - Million Dollar Baby – Sonhos Vencidos
2003 - Senhor dos Anéis: O Regresso do Rei
2002 - Chicago
2001 - Uma Mente Brilhante
2000 - Gladiador
1999 - Beleza Americana
1998 - A Paixão de Shakespeare
1997 - Titanic
1996 - O Paciente Inglês
1995 - Braveheart – O Desafio do Guerreiro
1994 - Forrest Gump
1993 - A Lista de Schindler
1992 - Imperdoável
1991 - O Silêncio dos Inocentes
1990 - Danças com Lobos
1989 - Miss Daisy
1988 - Rain Man – Encontro de Irmãos
1987 - O Último Imperador
1986 - Platoon – Os Bravos do Pelotão
1985 - África Minha
1984 - Amadeus
1983 - Laços de Ternura
1982 - Gandhi
1981 - Momentos de Glória
1980 - Gente Vulgar
1979 - Kramer Contra Kramer
1978 - O Caçador
1977 - Annie Hall
1976 - Rocky
1975 - Voando Sobre Um Ninho de Cucos
1974 - O Padrinho - Parte II
1973 - A Golpada
1972 - O Padrinho
1971 - Os Incorruptíveis Contra a Droga
1970 - Patton
1969 - O Cowboy da Meia-Noite
1968 - Oliver!
1967 - No Calor da Noite
1966 - Um Homem para a Eternidade
1965 - Música no Coração
1964 - Minha Linda Lady
1963 - Tom Jones, Romântico e Aventureiro
1962 - Lawrence da Arábia
1961 - West Side Story - Amor sem Barreiras
1960 - O Apartamento
1959 - Ben-Hur
1958 - Gigi
1957 - A Ponte do Rio Kwai
1956 - A Volta ao Mundo em 80 Dias
1955 - Marty
1954 - Há Lodo no Cais
1953 - Até à Eternidade
1952 - O Maior Espectáculo do Mundo
1951 - Um Americano em Paris
1950 - Eva
1949 - A Corrupção do Poder
1948 - Hamlet
1947 - A Luz é para Todos
1946 - Os Melhores Anos das Nossas Vidas
1945 - Farrapo Humano
1944 - O Bom Pastor
1943 - Casablanca
1942 - A Família Miniver
1941 - O Vale era Verde
1940 - Rebecca
1939 - E Tudo o Vento Levou
1938 - Não o Levarás Contigo
1937 - A Vida de Zola
1936 - O Grande Ziegfeld
1935 - Revolta na Bounty
1934 - Uma Noite Aconteceu
1932/1933 - Cavalgada
1931/1932 - Grande Hotel
1930/1931 - Cimarron
1929/1930 - A Oeste Nada de Novo
1928/1929 - The Broadway Melody
1927/1928 - Asas

Fonte: Sapo Cinema

Nenhum comentário:

Postar um comentário