Pub

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

Hoje na História

Scharansky libertado
12 de Fevereiro 1986


O activista dos direitos humanos Anatoly Scharansky é libertado após oito anos em prisões soviéticas e campos de trabalho. O presidente russo Mijail Gorbachov e o presidente norte-americano Ronald Reagan acordaram uma amnistia numa cimeira celebrada três meses antes.

Scharansky foi preso pela sua campanha para reivindicar os direitos dos judeus russos, a quem tinha sido oficialmente proibido de praticar o judaísmo. Condenado por traição e agitação, as autoridades soviéticas também o consideraram um espião americano.

Após a sua libertação, emigrou para Israel, onde lhe foram oferecidas umas boas-vindas de herói. Mais tarde, como membro do Parlamento israelita, foi um defensor incondicional dos judeus russos.


Roubam “O Grito”
12 de Fevereiro de 1994


No dia 12 de Fevereiro de 1994 roubaram o famoso quadro de Edvard Munch, "O Grito", do Museu Nacional de Oslo. Desde famoso quadro existem quatro versões, e todas elas foram vítimas de furto em alguma ocasião.

Os ladrões entraram armados na Galeria Nacional da cidade norueguesa e levaram a versão mais famosa do quadro. A peculiaridade do roubo é terem deixado um bilhetinho com a seguinte mensagem: Obrigado pela falta de segurança.

A 7 de Maio desse mesmo ano, o quadro foi recuperado, graças a uma colaboração clara entre a Polícia norueguesa, a Scotland Yard e o Museu Getty.


Rádio Vaticano
12 de fevereiro de 1931


A 12 de fevereiro de 1931, Pio XI inaugurou a Rádio Vaticano com um discurso em latim intitulado Qui Arcano Dei. A sua missão era difundir a mensagem e atividades do Papa, da Santa Sé e da Igreja Católica.

Dois anos depois, a rádio emitia em onda curta e, depois da morte de Pio XI, a Rádio Vaticano difundiu em nove idiomas o conclave e a cerimónia de coroação de Pio XII. Durante o período da Segunda Guerra Mundial, a rádio seguiu o seu curso apesar da ocupação nazi.

A 27 de outubro de 1957, Pio XII inaugurou o centro transmissor em Santa Maria de Galeria. O lema principal que a Rádio Vaticano uso nas suas transmissões é: Laudetur lesus Christus (Abençoado seja Jesus Cristo).

Nenhum comentário:

Postar um comentário